Carros

É conveniente alugar carro no exterior?

Sim e não. Civilizações baseadas no transporte individual – como Estados Unidos e Canadá – exigem um carro, a menos que você queira se sentir um alienígena. Na ruas de Orlando, fora dos parques, não se vê pessoas por milhas e mais milhas. Além do mais, locar um carro na América do Norte é mais barato e mais simples que usar qualquer outro meio de transporte.

A exceção é Manhattan. Ter carro ali é uma inconveniência: não há lugar para encostar o automóvel e cinco horas em um estacionamento custam mais do que a locação. Além disso, tudo pode ser feito a pé, de táxi ou de metrô. Já na Europa, há aspectos positivos (e negativos em alguns locais). Mas ir de carro de um país a outro em estradas impecáveis, sem depender de horários, é um privilégio.

Tipo de veículo

A princípio, qualquer um. As locadoras dividem seus veículos em diversas categorias. A dos carros subcompactos, por exemplo, equivalentes aos nossos 1.0, se bem que superiores em conforto, motorização e equipamentos, é a A – aí está o Chevrolet Metro. Na B estão, por exemplo, o Toyota Corolla e o Dodge Neon. A escala vai evoluindo até chegar a W – que inclui as grandes peruas, como a Cherokee e o Ford Explorer.

Multa no exterior

Muitas vezes você tem de pagar na hora. Mas, se o carro for alugado e a multa for do tipo que é cobrada depois, nem pense em esconder o fato da locadora. A empresa vai pagar, porque o carro é dela, mas depois envia a fatura. Não pagar pode acarretar problemas ao retornar ao país ou à comunidade européia.

Combustível

Encha o tanque, antes de devolver. Se você devolvê-lo vazio, a empresa vai cobrar o combustível a um preço muito alto.

Validade da Habilitação Brasileira em outros países

Com exceção de dois países, sim. Os brasileiros podem alugar e dirigir automóveis no exterior usando unicamente a sua Carteira Nacional de Habilitação. As citadas exceções, para as quais se exige uma habilitação internacional, são a Grécia e a Rússia (pode-se tirá-la no Detran). Na maior parte dos países, porém, o estrangeiro deve ter uma idade mínima para sentar-se ao volante. Pode variar dos 19 anos (na Áustria e na Noruega, por exemplo) aos 25 anos (Bulgária), mas 21 anos é a maioridade padrão internacional para se locar um veículo, incluindo os Estados Unidos. Muitos países também exigem uma espécie de quarentena mínima para se pegar uma estrada – na Itália, por exemplo, pelo menos um ano de habilitação no país de origem. Nos países da ex-Cortina de Ferro, dois anos. Confira na hora da reserva, aqui no Brasil.

Alugue o carro ainda no Brasil

Além da garantia de encontrar a categoria do carro de sua preferência, quase todas as locadoras internacionais com representação no Brasil tem tarifas promocionais, geralmente em melhores condições do que as que você encontraria no destino e sem contar que, reservando aqui, você elimina o risco da falta de automóveis.

Mesmo sendo raro não sobrar um automóvel nos pátios de uma companhia, existe o risco de você querer alugar uma van para acomodar a família e as compras e só encontrar veículos menores Portanto, reserve e de preferência, deixe a locação pré-paga no Brasil..

Outra vantagem: há upgrades em locação de veículos. Se você alugar e pagar o carro ainda no Brasil e, ao chegar no destino o modelo estiver em falta, receberá um veículo de categoria superior sem nenhum ônus.